Imagem

A Maior Transformação do Universo Interior

Uma série de 4 encontros onde eu vou mostrar como é possível transformar
a sua vida através das Constelações Familiares e o Poder da Consciência.
CONHEÇA O MÁRCIO FERREIRA
João da Silva
Apaixonado por desenvolvimento humano e processos mentais. Sua especialidade é descobrir os verdadeiros problemas que travam a vida das pessoas, pois ele acredita que tomar Consciência e enxergar as dores que aprisionam é o modelo mais efetivo de encontrar soluções. Seu maior objetivo é ajudar milhares de pessoas, pessoas comuns, pessoas como você, a atingir conhecimento sobre si, sua história, suas relações pessoais e profissionais, para viver uma vida plena, feliz e livre. Sim, isso é completamente possível!

ESTUDO DE CASO

CONTEÚDOS MARATONA PDC
   06 a 09 de julho às 20h   

AULA 01 | 06 de julho
Revirando o Baú: É tempo de encontrar as nossas melhores memórias e revisitar nossas histórias
1
AULA 02 | 07 de julho
Separando a Bagagem: Agora eu posso escolher quais bagagens posso carregar na mala e em minha jornada
2
AULA 03 | 08 de julho
Verificando Seu Destino: Hora de traça a rota, reavaliar os lugares que devo visitar e como seguir o fluxo de vida
3
AULA 04 | 09 de julho
O Embarque Tão Sonhado: Estou pronto para ingressar na minha jornada pessoal e profissional mais profunda de autoconhecimento e amor
4

RETIRE SEUS BÔNUS EXCLUSIVOS

CORPO: Alimentação e Fitness

CURSO PODER X

ACESSO VITALÍCIO AO CURSO ABSOLUTAMENTE GRATUITO, AO VIVO E ONLINE, BASEADO NAS CONSTELAÇÕES FAMILIARES COM MÁRCIO FERREIRA.
VIDA: Prosperidade e Produtividade

E-BOOK SOBE DOENÇAS

UM INCRÍVEL E-BOOK DESENVOLVIDO POR MÁRCIO FERREIRA, REVELANDO QUE A DOENÇA É NOSSA MELHOR AMIGA, COM MAIS DE 200 DOENÇAS.

PODER DA CONSCIÊNCIA

Poder da Consciência é um treinamento 100% online, milimetricamente pensado para quem tem um simples objetivo: transformar sua realidade.

Conheça o método que impacta milhares de pessoas a transformarem suas vidas e permite que pessoas comuns vivam de maneira plena. Descubra as soluções e caminhos que você sempre sonhou encontrar para a sua vida, mesmo se você nunca soube como resolver o seu conflito.

DÚVIDAS FREQUENTES

O que é o Poder da Consciência? Como eu posso me inscrever?

O Poder da Consciência é um treinamento 100% online, que você pode fazer de qualquer lugar que tenha uma conexão com internet.

Ele é milimetricamente pensado para quem tem um simples objetivo: transformar sua realidade.

Eu já falei, mas não custa nada repetir. Até porque parece difícil de acreditar de primeira.

Parece muito bom para ser verdade?

Se você pensou isso, eu não tiro a sua razão.

A primeira vez que eu falo isso para alguém, eu vejo o jeito que a pessoa me olha.

Parece que eu sou maluco.

Ou que eu sou um charlatão, um picareta que tenta ganhar a pessoa na lábia.

Porque é uma promessa que parece ser MUITO BOA para ser verdade.

E eu dou toda razão para os ateus de pouca consciência.

Se eu não tivesse feito tantas transformações nas vidas das pessoas, eu também duvidaria.

Se eu não tivesse ajudado centenas de alunos pelo Brasil inteiro a enxergar uma nova realidade e viver ela na prática, eu também não acreditaria.

Cada uma das pessoas que estão nessa foto (clique aqui para visualizar) foram formalmente reconhecidas por escolher ser a sua melhor versão. E o mais legal de tudo isso, é que essas pessoas são uma pequena amostra.

Mas antes de eu continuar isso, eu preciso deixar uma coisa muito claro.

Por favor, entenda que os resultados que eu falo aqui nessa carta não são típicos.

Por que?

Eu acredito que uma pessoa comum que compre qualquer tipo de curso ou um programa de treinamento tende a ter pouco ou quase nada de resultados.

Isso não acontece só com cursos ou programas de treinamentos.

Deixa eu te dar um exemplo.

A maioria das pessoas que se matriculam em uma academia (cara ou barata), tendem a ter pouco resultado. Pois resultado implica muito mais do que ter uma técnica ou metodologia que funcione.

Implica em trabalho duro, histórico pessoal, experiência, foco, ética profissional, integridade, persistência (muita persistência).

Resumindo, os resultados que eu mencionei e ainda vou mencionar neste texto são típicos?

Absolutamente não.

São possíveis?

Absolutamente sim.

A foto que você viu é uma pequena amostra de alguns exemplos de pessoas que com muito suor, técnica, foco e persistência atingiram esse resultado.

Agora, eu gostaria de deixar claro que todo negócio envolve riscos, bem como um massivo e consistente esforço e ação. Se você não está disposto a aceitar isso, por favor, não faça a sua inscrição na Maratona PDC ou mesmo no Poder da Consciência.

Disto isto, então:

Para quem é o Poder da Consciência (PDC)?

O PDC (Poder da Consciência) é para duas categorias de pessoas:

Categoria 1: Buscador. Aquele indivíduo que quer descobrir qual a principal fonte de seus conflitos. Isso é, aquele que busca entender os verdadeiros problemas que tem em sua vida e vai atrás das soluções.

Categoria 2: Aspirante a Constelador. Aquele que tem como sua missão e propósito auxiliar outras pessoas que são buscadores. Além disso, aquele que busca uma nova fonte de renda e busca aprofundar sua técnica em atendimentos, como: psicólogos, coaches, terapeutas e afins.


Mas é para qualquer empreendedor ou aspirante?

Não, é só para aqueles que querem aprender o passo a passo detalhado para transformar sua realidade.

E aqui eu preciso distinguir uma coisa.

Todo mundo quer fazer, todo mundo alega que quer mudanças de forma íntegra. Até quem não tem coragem de admitir em voz alta, quer.

O problema é que nem todo mundo quer aprender a fazer.

Isso não é só Poder da Consciência não.

Pensa bem. Todo mundo quer falar inglês fluente. Mas nem todo mundo quer fazer o necessário para aprender a falar inglês fluente.

E aqui eu vou falar uma coisa polêmica. É uma coisa que eu posso até estar errado. Mas se você me permitir, eu vou falar.

Eu acredito que todo mundo quer ter um corpo saudável. Até mesmo um corpo bonito (o que quer que seja bonito para você).

Mas nem todo mundo quer fazer o necessário para ter.

E está tudo bem. Eu acredito no livre arbítrio e cada um deve ter suas escolhas e prioridades.

Eu só gostaria de deixar claro que o PDC não é um programa para quem quer mudanças interiores.

Mas sim, esse é um programa para quem quer aprender a fazer o necessário para sua mudança interior.

E entre eu e você, isso vai dar trabalho.

Então se você é preguiçoso e não acredita em trabalho duro, o PDC não é para você. E quando digo trabalho duro, não pense em algo como um esforço físico, mas um envolvimento mental, emocional e sistêmico.

Só para deixar claro mais uma coisa.

O PDC é para mim se eu ainda não tenho nem ideia do problema que sinto, se eu nem sei nomear esse vazio ou angústia?

Essa é uma pergunta comum.

A resposta é sim. É absolutamente.



Agora você pode estar se perguntando: para quem o PDC não é?

O PDC não é feito para quem quer resultados medianos.

O PDC faz você entender que transformar a sua vida está ao seu alcance agora.

O PDC não é para quem busca fórmulas mágicas ou que não queira estar comprometido em arregaçar as mangas.


Deixa eu te contar um fato que explica essa situação.

Um carro de Fórmula 1 foi projetado para andar a 350 km/h.

Imagina a engenharia e o conhecimento que você tem que ter para fabricar uma máquina que anda em cima de quatro rodas quase na metade da velocidade de muitos aviões.

O carro de Fórmula 1 é preparado nos mínimos detalhes para voar no asfalto. Cada parafuso, o material do chassi, cada centímetro a mais ou a menos em um carro desse foi pensado para que ele possa atingir a maior velocidade final.

É um carro feito para andar rápido. E não vale a pena fazer investimento em um carro desse se você quer andar a 80 km/h.

É um desperdício.

Se você quer andar devagar, não vale a pena investir para saber o que há de melhor que há na indústria.

Basta um carro 1.0 meia-boca.

E o Poder da Consciência (PDC) é o Fórmula 1 do autoconhecimento e da inteligência emocional.

Ele é para quem quer ter um alto nível de resultados.

Então se você quiser um pouco de autoconhecimento, ou transformar um pouco a maneira de ver a vida, usar o Poder da Consciência é igual a tentar matar um passarinho com um canhão.

Outra coisa que é importante falar: o Poder da Consciência não é nenhuma proposta relacionada a autoconhecimento barato ou simplesmente autoajuda.

O design do PDC é criar uma realidade ou adaptar a vida que vive para ser capaz de definitivamente viver leve, feliz e em plenitude. Uma vida 100% sua, adaptada a sua realidade atual.

Um processo que você tem 100% de descobertas. Do início ao término e para a vida inteira.

Um processo científico que você pode deixar de herança saudável para os seus filhos, caso deseje.

Mas antes de eu te explicar exatamente como funciona o PDC, é importante que você entenda como eu descobri ele.

Como eu cheguei nesse método?

Desde minha primeira graduação em Pedagogia, eu sempre senti que queria ajudar o maior número de pessoas. Todo aluno que eu tinha, trabalhando concursado como professor eu já entendia que a família é a grande base. E, por querer ajudar mais, certa vez um orientador meu me disse que eu deveria fazer Psicologia. 

Por que ele me disse isso?

Porque eu entendia que a família sendo base, se a família não estivesse integrada, o aluno teria dificuldades.

Foi então que segui o conselho do orientador e fui fazer minha graduação em Psicologia. Mas ao trabalhar clinicamente, após pedir exoneração do concurso eu percebi que ainda era muito difícil todo este trabalho sozinho.

Por que eu estou te contando isso?

Porque eu queria ajudar o maior número de pessoas. Minha missão era que eu pudesse tocar o coração de muitas pessoas com algo que realmente fizesse a diferença na vida delas. Mas eu precisava me sustentar e quando aulas na escola não estava bem.

Eu não concordava com muitas questões impostas durante o desenvolvimento infantil.

Ja era formado em Pedagogia, atuava dentro de um concurso público e estudava Psicologia.

Minha família sempre me fez acreditar que a vida era assim mesmo, me impregnando de crenças que me limitavam a pensar de outra forma e simplesmente me coagiam a manter-me no mesmo lugar. Sem fazer nada.


Só que tinha um problema

Uma coisa que só eu sabia.

Eu era extremamente infeliz.

Infeliz porque aquele não era o meu sonho. Eu estava vivendo a vida que meus pais queriam que eu vivesse.

Tudo isso que eu fiz era para honrar o que minha mãe e meu pai fizeram por mim.

Não me entenda errado. Eu não quero criticá-los e também não culpo meus pais, de jeito nenhum.

Tudo que eu tenho hoje é por causa da visão e esforço dos meus pais. Eles deixavam de viajar de férias para investir na nossa educação.

Eles abriram mão de muita coisa para que a gente estudasse.

Só que eu não era feliz.

Não sei se você já passou pela experiência de não gostar do seu trabalho.

Mas é muito ruim a sensação de acordar e não querer ir para o trabalho de jeito nenhum.

A angústia de ouvir o despertador tocar e não ter ânimo para levantar da cama.

Não era aquilo que eu queria fazer pro resto da minha vida. Minha paixão não era ajudar alunos sem conseguir aplicar o meu talento em desenvolver emocionalmente as pessoas. Não pelo meus alunos, que os amava de paixão, mas porque o sistema educacional é, infelizmente, precário e fechado.

Não era uma questão de dinheiro ou de status. Era uma questão de realização. E eu não tinha nenhuma realização naquele momento.

No auge da minha crise, eu resolvi fazer minha segunda graduação em Psicologia. E lá eu enxerguei que dentro de alguns anos eu iria poder ajudar o maior número de pessoas possíveis com meus atendimentos.

Fazer o que um dos meus mestres (Tony Robbins) fazia, reunir centenas ou milhares de pessoas para ouvi-lo, porque ele tinha aquela palavra "certa", assim como eu estive com ele.

Eu só pensava que daqui uns anos eu iria morrer, iam jogar terra na minha cara, e eu não teria feito o que eu queria de verdade.

Naquele dia eu entendi que eu devia seguir o meu coração.

Meu sonho de criança sempre foi ser desbravador. E eu não sei exatamente quando eu decidi isso, mas é um daqueles sonhos que ficaram engavetados. Os sonhos me moviam, e por mais que eu escutasse em casa: "Márcio, coloca o pé no chão"... eu sabia que tinha dentro de mim a realização.

Em dezembro de 2015 eu pedi demissão. Pedi demissão para abrir minha própria Clínica de Psicologia.

A partir de então, tudo passou a ser maravilhoso e por mais que você não acredite, tinha minha agenda cheia com o tempo, pacientes me indicavam para outros pacientes e tudo corria bem.

Foi aí que eu percebi que não tinha tempo para atingir o número de pessoas que eu havia plantado de ideia dentro de mim. Que não bastava ser só um excelente psicólogo (porque até recebi reconhecimento por isso no Latin American Quality Institute).

Então eu comecei a consumir todo conteúdo de desenvolvimento humano, formações e mais formações sobre comportamento e saúde mental que passava pela minha frente. O problema é que a quantidade de informações disponível é enorme e completamente desorganizada.

Eu estava vivendo uma bagunça mental, uma overdose de informação

E aquilo só tava me deixando confuso com tantas teorias.

Para dar um basta nisso, resolvi investir alto na minha educação internacional em Constelações Familiares. Fui atrás do melhor conteúdo que a promessa era reveladora e que o desbloqueio de traumas era imediato.

Nessa busca eu finalmente acabei encontrando um curso com o conteúdo que eu precisava, da forma que eu precisava, com o criador do processo de Constelações Familiares - Bert Hellinger, no qual tenho a honra de tê-lo conhecido.

Só que o curso custava 5 mil dólares. Meus amigos mais próximos (até mesmo os psicólogos mais conservadores) pensaram que eu tinha ficado louco ao comprar um curso que eu tinha acabado de conhecer e que nem tinha um embasamento comprovado pelo Conselho.

Mas foi esse curso que me deu um direcionamento simples e prático que foi o grande momento de virada da minha vida.

Eu resolvi aplicar o processo. Talvez essa fosse minha única e a minha última chance.

Porque se eu falhasse, se eu não fizesse o processo funcionar, eu teria que ensacar o meu sonho de ajudar o maior número de pessoas, ou talvez até mesmo voltar para a escola como professor.

E do jeito que eu pedi demissão em um concurso público, eu tinha meio que cometido um suicídio.

Mas aquele foi o momento da virada.

Em dezembro de 2016 (eu lembro mais desse dia do que do meu próprio aniversário) eu estava em um evento que eu criei, rodeado de pessoas e com a sala lotada. Todos os presentes ficaram demasiados impactados, haviam pessoas chorando e eu sabia que tinha tocado o coração dessas pessoas, ou até posso dizer... a alma.

A grande sacada é a seguinte: o que me transformou naquele dia não foi ter causado uma transformação eterna na vida dos presentes.

Foi saber que eu tinha seguido um processo quântico.

E que eu poderia fazer aquilo de novo e de novo quando eu quisesse, usar esse processo com outras pessoas. Eu queria gritar para o mundo para que todos parassem de sofrer e descobrissem o seu verdadeiro problema.

Com o tempo eu consegui organizar e transmitir o conhecimento necessário para montar uma processo de cura. Porque além de todos os problemas da tradução do alemão-português, não é um manual que está nos livros. Consegui potencializar e associar técnicas que verdadeiramente acredito do fundo de minha alma em seus resultados, porque eu comprovei com centenas de alunos e comprovo todos os dias na clínica com meus pacientes. Eu realmente gero resultado extraordinariamente palpável.

Era isso. Eu entendi que eu poderia ensinar as pessoas a vivenciar este mesmo processo que eu usei. Ensinar a outras pessoas o passo a passo que me levou àquele resultado. Porque meus pacientes não paravam de me perguntar e querer entender como e de onde eu tirava aquelas respostas para suas questões que há anos vinha sofrendo.

Eu juro, no começo pensei que a maioria de interessados seriam os Aspirantes a Constelador, eles vieram... mas muitas pessoas comuns, que tinham seus problemas mal resolvidos, que passaram anos fazendo terapia, queriam muito mais por causa do resultado.

Lancei a primeira turma, a segunda turma...

E a cada turma que passava, eu ia vendo os resultados que as pessoas tinham. Eu passei a ficar viciado nas histórias que elas me contavam.

Quando você encontra essas pessoas e pergunta para elas o real impacto do Poder da Consciência, você descobre que para elas, viver uma vida plena é muito mais do que isso. É mais do que o dinheiro pode comprar.

É liberdade de viver bem onde você quer. De passar o tempo que quiser com o seu filho. De espalhar sua missão para o mundo.

E de não falar mais com 1 ou 2 pessoas, mas falar com milhares e contar o seu progresso, o seu sucesso. É encontrar uma pessoa na rua, ele virar para você, te olhar com olho cheio d'água e dizer “Obrigado, você não sabe o tanto que você mudou na minha vida.”

Por isso que eu decidi ensinar a você viver todo seu poder com o PDC. É isso que eu faço.


Como funciona o Poder da Consciência?

O Poder da Consciência, em sua nova versão, começa online.

Por que? Para você fazer de qualquer lugar que tiver internet, de acordo com o seu tempo.

Além disso, umas pessoas são mais rápidas para aprender, outras mais devagar. Por isso que ensinar tudo presencialmente tenho percebido que não é ideal.

Porque você faz no seu tempo. Tem gente que não dorme fazendo o Poder da Consciência. E aqui aproveito para contar que um do hinos dos alunos é que após o Poder da Consciência... "nunca mais eu vou dormir". Fato extremamente positivo devido ao tamanho de expansão da consciência. Outros preferem fazer o PDC 5 minutos por dia, por ser um conteúdo denso e que eu sei que pega em muitas feridas emocionais. Não tem nada de errado. É fazer no seu tempo.

Ela também começa com uma turma.

As pessoas começam juntas. Porque eu percebi que se você simplesmente der essa informação para a pessoa começar sozinha, as chances de sucesso são menores.

A gente tem mais resultado quando está numa comunidade. Quem quer ir longe, vai acompanhado.

Quando você entra no PDC você entra numa comunidade secreta no Facebook onde a gente divide conhecimento. Tem pessoas prontas para responder todas as suas dúvidas.

Mas você pode ainda estar se perguntando...


O que eu aprendo no Poder da Consciência?

Tudo começa com um ponto chave, o ingrediente principal de cada transformação que eu já construí: entendimento das Leis Sistêmica dos Relacionamento Humano.

Eu vou te ensinar exatamente como você pode fazer para nunca mais sair do trilho saudável da vida. Como ter ferramentas para lidar com qualquer problema e sair de todo e qualquer buraco.

Isso passo a passo, tim tim por tim tim, mesmo que você esteja começando do absoluto zero no autoconhecimento.

Se você já tem algum conhecimento emocional ou psicológico, vou te pedir um pouco de paciência aqui, porque a próxima parte vai ser interessante para você.

Mas voltando ao assunto...

Para começar essa transformação, você vai aprender que existem duas maneiras de viver. Como adulto ou criança.

Atenção: ela se chama criança porque você carrega tudo o que viveu em sua história, sua memória (por mais que não lembre conscienteme) está tudo dentro de você como uma sementinha, que quando brota se transforma em uma árvore grande, que rende muitos frutos.

E isso é só o começo.

Todos os vídeos com esses depoimentos estão disponíveis nos links acima. Se você quiser, o meu suporte pode te enviar também.

Mas entenda que algumas pessoas têm mais resultado, outras têm menos. Algumas pessoas não têm nenhum resultado.

Porque o Poder da Consciência precisa ser aplicado para gerar resultado.

Porque o Poder não é uma fórmula mágica. Eu avisei logo no início dessa carta, preto no branco. Mas não custa avisar aqui de novo.


Mas Márcio, e se eu ainda não quais traumas me prendem ao meu passado fazendo com que eu fique no mesmo lugar?

Nós já conversamos aqui que essa preocupação não é um problema. 

Mas se você tem essa dúvida, eu acho ótimo.

Porque dentro do processo do PDC eu ensino exatamente como descobrir esses conflitos internos e o método que desenvolvi no Poder da Consciência são para pessoas que estão começando do zero. E eu ensino o passo a passo de como começar a transformar sua vida.

E digo mais.

Você passa a enxergar oportunidades que estavam fora do seu radar. Tomar novos caminhos e começar novos horizontes.

Eu vejo isso em toda turma. Alguns alunos chegam no PDC sem saber o que fazer e saem com mais ideias do que eles têm tempo para executar.

Já recebi alunos que estavam "desenganados da vida", ou seja, apenas esperando a morte chegar...

Mas eu não vendo conto de fadas. Eu jogo limpo sobre como o PDC funciona. Por isso o que eu vou dizer agora pode frustrar a sua expectativa ou manter os seus pés no chão.

Uma conhecimento enorme não serve para nada.

A não ser que você aplique, participe e façam o que estou sugerindo você a fazer.

E eu não conheço nada que cria um relacionamento tão poderoso como o PDC, rápido, forte e que parece que a turma é composta de amigos íntimos de infância.


Mas será que é tão simples assim?

Claro que não, você vai precisar botar os miolos para funcionar e aprender a mergulhar e nadar.

Não adianta você fazer natação fora da piscina.

E pode ser surreal falar algumas coisas que eu estou te falando aqui.

Porque é normal. Depois de fazer o PDC, você passa a enxergar a vida de uma maneira que só faz sentido para quem já fez o Poder da Consciência.

E o PDC gera uma série de benefícios que vão muito além da felicidade, do dinheiro, dos relacionamentos.

Porque eu falo bastante de fazer uma transformação em sua vida. Mas isso não é tudo.

Porque o PDC é muito mais do que não se conhecer realmente.

É mais do que não saber lidar com os sentimentos. Muito mais até mesmo do que traumas que parecem indissolúveis.

Existem outros benefícios que o PDC traz que você pode aproveitar.

Porque se você não evoluir, o PDC pode se tornar um vício. Tudo bem que é um vício bem saudável.

Mas você vai ter que acabar repetindo o Poder da Consciência para a compreender com outros olhos e digo, muitos alunos fazem, refazem e fazem de novo... porque é maravilhoso vivenciar esta experiência de vida.

Porque o real benefício da PDC é estabelecer uma vida segura, com tranquilidade e paz.

E isso está no DNA de cada detalhe desse processo que eu vou te ensinar e que você vai vivenciar na pele.

Quando eu digo processo, é um processo mesmo.

De cada dissolução de qualquer sentimento negativo, de viver uma vida com ressignificação dos traumas, de higienizar o sentir e as feridas antigas, de  acabar com todas as dores e ter mais liberdade.

No PDC você descobre o processo inteiro, de maneira extremamente profunda.

Ser feliz, vivendo uma vida plena, com liberdade, paz, harmonia, riqueza e prosperidade, liberando o fluxo do amor e tendo prazer em viver bem. Não é este o seu sonho?

Veja bem.

O que difere o homem dos meninos ou as mulheres das meninas, ou adultos de crianças é a habilidade de ser uma pessoa realizada nas esferas pessoais e profissionais, motivada, em paz, com uma vida próspera e com capacidades, habilidades focadas na resolução de qualquer conflito e curada de traumas vividos na sua história e na história de sua família, de não precisar mais ficar doente. Já imaginou?

É fazer sua vida ter sentido, se sentindo mais poderoso e confiante com as ações que toma, sem medo, sem preocupações, sem dependência de remédios ou outras pessoas. É viver as relações sem peso, ou jogar o peso em coisas ou pessoas. Imagine você se sentindo leve? Mudando as relações pessoais, a forma de ver o mundo, aprendendo sobre algo muito maior que nunca imaginava e que agora é possível enxergar o mundo macro pois você será consciente das suas escolhas e resultados. Aprender sobre o amor e reconhecer tudo o que recebeu em vida.

É como se fosse um jogo de sinuca. Imagine que você tem que matar duas bolas: a amarela e a verde.

Então não adianta só matar a bola amarela. Tem que matar a amarela e posicionar a bola branca na frente da verde para encaçapar a outra com mais eficiência.

É isso que acontece com o PDC. Cada módulo posiciona você ainda melhor o próximo.

Eu sei que isso pode parecer um pouco complexo. Mas tem algumas coisas que você só consegue enxergar depois que começa a fazer o PDC.

Também existe um grande porém.

Para você desbloquear os traumas, existem táticas fundamentais dentro do PDC.

Essas táticas alimentam estratégias que permitem que o seu desbloqueio seja cada vez maior que o outro, a cada módulo é um ou mais andares que você escala.

São táticas que foram aprimoradas ao longo dos anos que eu trabalho com desenvolvimento humano. Táticas que sobreviveram ao campo de batalha por diversas vezes.

Use essas táticas e sua vida tende a ser desbloqueada por um fluxo de amor e somente pode crescer.

Não use elas e você vai acabar como um viciado em PDC.

Essa é uma das razões para qual a PDC criou mais resultados e mais histórias de sucesso do que qualquer outra estratégia de desenvolvimento humano do Brasil. Ponto final.

Se você quiser colocar a PDC para trabalhar para você, eu terei o maior prazer em te falar como você pode se inscrever no programa.

Mas em primeiro lugar, deixa eu te contar umas regras fundamentais do programa

Regras fundamentais do PDC

Primeiro: por ser um treinamento online, as inscrições ficam abertas por um pequeno espaço de tempo e as vagas são limitadas.

Eu sei que você ouve esse negócio de vagas limitadas o tempo todo, mas isso é realmente sério.

Porque é o seguinte. Se não tivesse limite de vagas, eu não ia me importar em ter gente se inscrevendo e não fazendo nada.

Mas eu não quero ver gente desperdiçando o lugar quando outra pessoa poderia ter aproveitado aquela vaga para causar algo de poderoso na sua vida e impactar a vida de muitas pessoas, ou gerações.

Você tem que estar comprometido com o seu sucesso.

Se você conseguir se inscrever no PDC, é isso que vai levar:

Você vai levar meu programa de treinamento online em 5 módulos. Eu dividi em 5 para você aprender a viver plenamente satisfeito, reconhecendo as próprias mudanças, calmo e tranquilo ao perceber de maneira natural, tudo o que conseguiu fazer pra si mesmo e todas as mudanças que oportunizou em sua vida.

A gente vai passar por cada sessão a cada 7 a 10 dias. Mas se você ficar para trás, não tem problema.

Esse programa fica no ar por 3 anos. Para você assistir no próprio tempo, com a sua velocidade.

Eu como eu disse, ainda vou disponibilizar ferramentas e materiais para você aplicar na sua vida atual. Ou simplesmente para preencher as lacunas na vida que você vai criar, para você não ter pontos cegos.

O importante é você entender que vai sair com o reconhecimento e ressignificação de sua vida por completo.

Mesmo que você ainda não tenha respostas para os seu conflitos emocionais. Você descobre isso dentro do Poder da Consciência.

Eu sei que eu já falei isso, mas se você chegou até aqui, por ter passado muito rapidamente por aquela parte. Então, não custa nada reforçar agora de novo, clique no link abaixo:

[Vale a pena fazer o PDC se você ainda não sabe o que é?]

O importante é saber que você terá cada passo explicado, tim tim por tim tim.

Tudo detalhado para você.

E mesmo assim se ficar alguma dúvida, eu ou alguém da minha equipe vamos tirar a sua dúvida.

Agora que você já sabe o que vai aprender, deve estar se perguntando:

Quanto custa o Fórmula de Lançamento? Quais as formas de pagamento?

O custo do Poder da Consciência é zero.

Aqui eu vou dizer exatamente o que eu quero dizer com isso.

O Poder da Consciência não é um custo. Na minha opinião, o PDC é um investimento.

Deixa eu te explicar porque eu acho que é praticamente impossível você sair perdendo com esse investimento.

Primeiro você tem que estar disposto a investir:

R$ 5.997,00 à vista por transferência bancária ou no cartão de crédito
R$ 7.257,00 parcelado em 12 vezes no cartão de crédito (12 parcelas de R$ 604,75)

Isso cobre meu tempo para organizar essa oferta para você, e garante para mim que só pessoas realmente sérias vão entrar no programa.

Desse investimento existem dois possíveis cenários:

Primeiro cenário: você pega as táticas e estratégias que eu ensino no PDC, aplica exatamente do mesmo jeito que eu falei.

Nesse caso você pode precisar de uma calculadora com mais dígitos para calcular o retorno de investimento que você pode ter. Aqui digo por experiência de meus pacientes e alunos, os rios de dinheiro que já gastaram com terapia, remédios, médicos e até o custo de uma vida pesada, triste e depressiva.

Segundo cenário: você não faz nada, acaba se distraindo, ou simplesmente decide que esse material não foi feito para você.

Nesse caso, basta você tirar proveito da minha garantia incondicional de 14 dias.

É só você mandar um e-mail nos primeiros 14 dias que você se inscreveu no PDC. Dizendo que você quer receber seu dinheiro de volta.

A gente devolve cada centavo do seu dinheiro que foi investido no ingresso do Poder da Consciência.

Sem ressentimento, sem letra miúda.

E a gente ainda pode continuar amigo.

É simples assim, preto no branco.

Eu não sei você, mas eu adoraria achar outros investimentos assim. Porque você tem 14 dias para ver se esse programa é ideal para você.

Se não for, basta nos primeiros 14 dias enviar um e-mail que eu vou devolver cada centavo do seu dinheiro investido no PDC.

Você é o juiz.

É como se o Poder da Consciência fosse um bilhete de loteria.

Só que, ao contrário de um bilhete comum, esse bilhete te oferece a possibilidade de reembolso do valor total pago nele caso ele não seja o bilhete premiado.

Você compraria esse bilhete?

Você investiria seu dinheiro nele tendo a certeza que, se ele não fosse o bilhete premiado, você pudesse ir na lotérica pedir o ressarcimento desse bilhete de volta?

O Poder da Consciência é como se fosse esse bilhete premiado.

Eu já disse isso, mas não custa repetir.

Não quer dizer que ela é uma fórmula mágica.

Isso quer dizer que muita gente já teve resultado com o Poder da Consciência.

Um resultado que vem da dedicação, do esforço e da energia que centenas de pessoas investiram para colocar o Poder da Consciência em ação.

Mas se dentro dos 14 primeiros dias você achar que a PDC não é um bilhete premiado que pode retornar o seu investimento em várias vezes, basta você me mandar um e-mail pedindo o cancelamento, que eu envio o seu dinheiro de volta.

Acho que na vida vai ser difícil você encontrar um acordo desses.

Porque nesse caso, o risco é todo meu.

E por que eu estou assumindo esse risco?

Porque o PDC funciona.

Porque eu já vi o PDC funcionar com os meus próprios olhos.

Porque eu já apertei a mão de centenas de pessoas que tiveram resultado com o PDC.

E porque eu quero apertar a sua mão também.

E tem só uma última coisa que eu preciso falar com você.

Se você ficou interessado em participar, isso nos leva à próxima pergunta:

Como eu posso me inscrever no Poder da Consciência?

As matrículas para o Poder da Consciência não estão abertas o tempo inteiro. Na verdade, as turmas abrem em poucos momentos do ano.

Geralmente, antes de abrir as matrículas do Poder da Consciência, nós oferecemos uma Maratona. Ela é uma introdução, um aperitivo do que você irá aprender no PDC.

Caso a Maratona seja assistida online, o acesso é gratuito.

Maratona PDC: Nesse formato, o conteúdo das aulas são divididos em quatro dias.

É ideal para pessoas que não podem investir um dia inteiro para aprender sobre essa jornada e preferem aprender o conteúdo por partes e à noite.

Ao final quarta aula, eu anuncio quando será a abertura das novas turmas do Poder da Consciência.

Estas turmas têm um número limitado de pessoas, pois, apesar de ser online, nós temos uma equipe de suporte responsável por responder todas as perguntas e dúvidas dos participantes.

E, uma vez abertas as inscrições, as vagas tendem a se esgotar rapidamente.

Pela experiência dos últimos anos, o período de abertura das turmas varia entre horas ou poucos dias.

Vale a pena eu fazer o Poder da Consciência se eu ainda não sei o que é?

Eu já perdi as contas de quantas vezes me perguntaram isso.

E, neste texto, eu vou responder essa pergunta de forma categórica e definitiva.

Mas, para isso, eu preciso te contar uma coisa.

Ou melhor: vou te contar provavelmente a história mais contada e recontada de todos os tempos.

A primeira pessoa que contou essa história, lá pelos anos de 348 antes de Cristo, foi Platão (o próprio), mas eu vou contar aqui do meu jeito.

Imagine a seguinte situação:

Dois homens viviam dentro de uma caverna e, por medo ou incerteza, nunca saíam de lá - ou sequer chegavam perto da saída.

E por nunca terem chegado perto da saída, tudo o que eles conseguiam ver eram as sombras daquilo que existia lá fora.

Aquilo era o que eles conheciam como realidade.

Quer dizer que aquilo que era a realidade?
Não.

Mas de dentro da caverna era impossível saber o que tinha lá fora.

Agora, por que eu tô te contando isso?

Algumas poucas pessoas deixam de fazer o Poder da Consciência por ainda não terem ideia que este é a solução que precisam.

O problema é que, sem fazer a Poder da Consciência, fica difícil de entender que tipo de dor você pode reconhecer, como por exemplo: baixa qualidade de vida, baixos resultados pessoais, na família, relacionamentos e trabalho. Dificuldades emocionais e implicações de saúde. Dificuldade em lidar com dinheiro e finanças pessoais, além do medo de ser feliz, ter uma vida congelada na dor de viver deste modo e poder realizar os seus sonhos.

Tentar descobrir uma solução ideal para o seu caso, sem fazer o Poder da Consciência é o mesmo que esses homens tentarem entender o mundo fora da caverna sem sair da caverna.

Em outras palavras, o curso Poder da Consciência abre os seus olhos para uma realidade diferente da que você vive.

E é isso que aumenta drasticamente as chances de você encontrar sua vida plena, ou solução.

Logo, se você não sabe o que te incomoda, no mais profundo do seu ser, a maior recomendação que eu posso te dar é se inscrever no Poder da Consciência enquanto pode.

Fez sentido para você?

Se ainda não, deixa eu complementar esse raciocínio com um fato simples.

Na semana passada eu me reuni com um grupo de alunos da Poder da Consciência, costumo chamar esses alunos de Anjos, porque eles realmente vivem esta filosofia de vida e se dedicam gratuitamente a auxiliar pessoas. Um deles me mostrou um vídeo de um cara que talvez você conheça, talvez não, que chama Tiago Brunet.

Nesse vídeo, o Tiago Brunet conta a seguinte história:

Um belo dia, às 5 horas da manhã, o filho dele, José, de 4 anos foi até o quarto dele, o acordou e perguntou:
- Pai, quando eu crescer eu vou poder casar?

E ele falou pro filho:

- Já tá de olho em alguém, filho? haha.

E completou:

- Vai, vai poder casar sim.

E o menino perguntou:

- E eu vou poder ter filho?

- Vai poder ter filho, sim.

- E o que você vai ser dele, pai?

- Eu vou ser avô.

- Mas e o avô Dario*?
(*Dario é o avô do José)

- O avô Dario vai virar bisavô do seu filho.

-Ah… Mas pai, quando eu casar, que babá vai cuidar de mim?

A plateia ali na hora riu e brincou com a situação, que é engraçada, de fato.

Mas aí o Tiago explicou uma coisa que me fez ficar atento a um fato curioso.

Ele falou assim:

- Deixa eu te explicar qual é a preocupação do meu filho:

Ele tem 4 anos.

Ele só vai ao banheiro se alguém leva.

Ele só come se alguém dá comida para ele.

Ele está o tempo todo com alguém: pai, mãe, vó, babá.

Foi aí que a dúvida surgiu na cabeça da criança:
se ele vai casar, morar em outra casa, longe da família, quem vai cuidar dele?

Na cabeça dele, é inconcebível não ter uma babá.

E aí ele diz a grande sacada:

A mente dele vê o futuro limitado ao que ele conhece do presente.

Por que eu tô te contando isso?

Porque na minha cabeça é muito difícil você conseguir visualizar como vai ser a sua vida depois do PDC, com a mente que você tem agora.

Infelizmente, sem fazer o Poder da Consciência, vai te faltar distinções e conceitos que serão determinantes para você conseguir visualizar a sua transformação em uma nova realidade e que seja capaz de gerar felicidade e alívio, a sensação de estar em paz.

Logo, se você não sabe como pode transformar sua vida, deixar de viver em dores emocionais, seu primeiro passo é se matricular na PDC enquanto você ainda pode, se ainda estiverem sobrando vagas.

Reza a lenda que lá pelos anos de 1500, chegaram por aqui umas caravelas muito loucas e boladonas com os portugueses.

Só que olha que viagem:

Parece que os relatos da época indicam que os índios que viviam aqui não "viram" as caravelas chegarem.

Viam só as ondulações do mar.

Porque era uma situação tão improvável na cabeça dos índios, que eles não conseguiam ver acontecendo.

Porque eles achavam impossível que dez naus e três caravelas pudessem surgir no mar e atracar em terra firme. Era uma realidade que eles nunca imaginaram que fosse ocorrer.

E as vezes é isso que acontece: as oportunidades passam na nossa frente e a falta de maturidade ou conhecimento não nos permite enxergar.

Por isso, quando alguém me pergunta:

- Márcio, mas eu não tenho ideia de como é possível melhorar minha vida. Será que eu devo fazer o Poder da Consciência?

Minha resposta é sempre um categórico: SIM.

Por quê?
Porque o Poder da Consciência é o equivalente a sair da caverna.

É o equivalente para mim a dar um upgrade na sua mente para que você comece a poder observar as oportunidades que estão na sua frente, mas que você está cego para elas.

Porque de dentro da caverna não dá para ver.

Você precisa sair dela para enxergar.

Agora, para realmente sentir na pele toda essa transformação, eu só consigo te contar do lado de fora da caverna.

O que você tem que fazer agora é dar o primeiro passo em direção a sair da caverna e se inscrever na PDC.

Por que você abre e fecha as inscrições do Poder da Consciência?

Ótima pergunta.

E a resposta é simples.

O Poder da Consciência é mais que uma coleção de conteúdos. É mais que um conjunto de estratégias, é mais que uma coleção de técnicas eficazes para criar e alavancar sua vida.

Para mim, o Poder da Consciência é uma comunidade. Uma tribo de buscadores com muita garra.

Parte da eficácia do PDC vem do fato de os integrantes interagirem em uma turma. Eles começam juntos, dividem alegrias, tristezas e saltos. Seguram as mãos uns dos outros e progridem juntos.

Isso tudo dentro de uma comunidade moderada e fechada no Facebook.

À medida que o programa acontece, alguns integrantes se transformam ali na frente uns dos outros. E isso expande a ideia do que é possível para aqueles mais céticos. Muda a cabeça de pessoas que tendem a desistir antes de atingir o ápice do que é possível para eles.

Quando digo transformam, é porque os alunos transformam mesmo, eles obtêm saltos em performance.

E à medida que as pessoas progridem e o estudos de casos da turma aparecem, fica quase impossível para alguém ignorar que ele também pode ou merece ter os mesmos resultados. E isso gera uma reação em cadeia ali mesmo.

Logo, mais que uma coleção de conteúdos, o Poder da Consciência funciona tão bem porque seu integrantes são parte de uma tribo.

É para conseguir esse efeito eu não posso deixar esse programa sempre aberto. Um efeito igual a esse só é atingido quando a turma começa junta e termina junta.

O Poder da Consciência é online ou presencial?

O Poder da Consciência é um programa presencial. Porém devido ao cenário atual do estado de alerta em saúde, conseguimos converter em 100% de resultados online. Agora você pode ver e rever quantas vezes quiser, na sua própria velocidade, no horário que desejar, de qualquer lugar do mundo que tenha uma conexão de internet.

E por que o PDC é online e não presencial?

Essa foi uma decisão estratégica, pois acreditamos no poder do digital.
E o que a gente quer dizer com isso?

Que a gente acredita que você é capaz de ter muito mais resultado quando você consegue focar no seu objetivo.

Então imagina só….

...se você não precisasse pegar trânsito para ir a um curso....
...ou pagar passagem de avião….
...pagar hospedagem…

Imagina só....

...se você pudesse ver as aulas na hora que bem entender….
...no lugar que bem entender….

Imagina só…

...se você pudesse começar a ver o curso no dia e na hora que quisesse...
...no lugar que você quisesse...
...sem precisar sair de casa...

Imagina se você pudesse fazer um curso no qual o curso se adapta a você e não você ao curso.

É por isso que o PDC agora é online.
Para você ter o controle de como, quando e onde você consome o conteúdo.

Mas…

Além disso, todo ano, uma vez por ano, acontece o PODER X ao vivo, onde você pode encontrar com o Márcio pessoalmente, em carne e osso!

Esse evento ao vivo talvez seja um dos eventos presenciais mais gerador de resultados transformadores que exista no Brasil hoje…

E, no ano passado, com nossa experiência em eventos, cada cadeira foi disputada a unhas e dentes. E não sobrou nenhuma cadeira livre pra contar história…

Para o evento deste ano, estamos preparando…

… conteúdo de altíssima qualidade…..
… possibilidades de parcerias e obtenção de sacadas a enésima potência...
… exercícios e dinâmicas profundas de alto impacto vivencial....

Esse evento é disponível apenas para alunos do Poder da Consciência. O link para efetuar o pagamento da taxa simbólica de reserva do seu lugar é enviado automaticamente (enquanto ainda tiverem vagas disponíveis) por e-mail logo que o pagamento da sua inscrição no PDC é confirmada.

Como convenço meu pai, marido, esposa, amigos ou parceiros de investir no PDC comigo?

Existem várias razões possíveis para um parceiro de vida ficar reticente em relação a investir no PDC com você.

Quando eu falo parceiro de vida, pode ser seu chefe, sua esposa, seu marido, um sócio da sua empresa.

Um dos motivos mais comuns é a pessoa achar que o PDC é uma falcatrua, só mais uma solução milagrosa para arrancar dinheiro de pessoas ingênuas.

E francamente… se a pessoa não sabe do que se trata, é natural achar que o Poder da Consciência não vale nada.

Se alguém que eu não conheço me falasse que é possível transformar minha vida sem me mostrar a jornada necessária, eu também duvidaria. Que isso é uma fórmula mágica com promessas sem sentido.

Ou a pessoa simplesmente não leva tão a sério.

Não é incomum ouvir histórias como essa que traduzem exatamente o que muitas das pessoas passam antes de se inscreverem no Pode da Consciência.

Eu já ouvi várias histórias parecidas com essa.

A pessoa já consumia o conteúdo que eu postava no meu Facebook, no Instagram, estava na minha lista de e-mails.

Pesquisou sobre o meu nome, sobre o método do PDC, os resultados que poderia trazer.

Aí ele foi a uma Maratona que eu dei e ficou super animado. Estava muito convencido de que era o momento certo para fazer o PDC e transformar a jornada de vida, o rumo que estava tomando.

O cara saiu do evento ao vivo todo animado, não conseguia nem respirar direito de tão feliz.

Pegou o telefone na hora e ligou para a esposa. Eufórico, ele começou a fazer todo um discurso sobre o tanto que o PDC poderia trazer resultados incríveis.

Ele passou minutos inteiros falando dos benefícios, do método, de como ele conheceu o Márcio Ferreira, dos estudos de caso.

Imagino que ele deve ter vendido o PDC melhor do que eu mesmo.

Depois do homem passar um tempo contando tudo sobre o Poder da Consciência, ele silenciou para ouvir a resposta da esposa. E ela só disse:

- Nossa que legal, parabéns! Fico feliz. Será que você passar no supermercado e trazer pão e ovo? Ah, e não esquece de trazer presunto e queijo.

Era tipo um banho de água fria. Disfarçadamente a esposa disse um “para de inventar maluquice” e faz algo de útil.

Eu já ouvi histórias parecidas várias vezes.

Se esse for o caso com você, pode ser que a pessoa que você ame não tenha visto todo o material que você já viu.

A primeira coisa que eu faria é mostrar a minha Maratona para ele.

Chega junto da pessoa e fala: “Reserva uma hora do seu tempo. A gente vai assistir a um negócio aqui juntos”.

E assistam à Maratona. Assistam o material de cabo a rabo com ele. É a primeira coisa que eu faria.

A Maratona é uma introdução, como se fosse um aperitivo do PDC. É um material com os primeiros passos para mudar de vida e solucionar os conflitos internos.

Lá eu mostro como eu descobri o método, evidências de que o PDC funciona.

A pessoa vai ouvir os relatos reais de pessoas que saíram de seus conflitos e realmente resolveram os problemas.

Eu explico exatamente o que é e para quem é o Poder da Consciência.

Provavelmente foram esses materiais que te convenceram a investir no PDC. E esses conteúdos têm uma grande possibilidade de convencer esta pessoa que ama também.

Quando a pessoa sabe do que o PDC se trata, fica mais fácil de convencê-la a entrar contigo nessa jornada.

Agora, pode ter outro motivo para esta pessoa não querer investir no PDC com você.

A falta de confiança em você.

A descrença absoluta de que você terá o sangue no olho necessário para realmente mudar.

E não o culpe.

São altas as chances de que um dia você quebrou a confiança dessa pessoa.

E você nem precisa ter pisado na bola com um erro estratosférico.

Às vezes, pequenos atos podem reduzir nossa credibilidade.

Aquela vez que você entrou na academia e disse que seria diferente, que iria se dedicar.

Ou aquela vez que garantiu que entraria de vez na dieta, mas não conseguiu segurar a barra por dois meses.

Qualquer outra vez que você combinou uma coisa e não cumpriu exatamente à risca.

O problema é que você entra em um ciclo vicioso que só te empurra para baixo...

Seu parceiro não investe em você porque acha que não terá resultados.
Você deixa de estudar, de evoluir e ganhar novas capacidades.
Sem evoluir, as chances de fracassar no futuro são muito maiores.

E só tem um jeito de quebrar esse ciclo vicioso.

O único jeito de quebrar essa sequência de pessimismo é dando esses 2 passos:

1- Admitir o seu erro para o seu parceiro. Reconhecer que um dia você não cumpriu o prometido em algum momento, que jogou para baixo do tapete um erro e que isso não vai funcionar mais.

2- Explicar que você precisa quebrar esse ciclo. Que essa é a sua hora de mudar esse jogo.

Até porque, esse ciclo não ajuda ninguém. O seu parceiro de negócio quer estar ao lado de alguém que não tenha resultado?

Claro que ele quer alguém que dê resultados, que acrescente.

Nós não somos santos. Todos pecamos, todos nós erramos. O que não dá é continuar achando sempre que o único resultado da sua vida é o fracasso.

Então, chama esta pessoa que você ama ou parceiro de vida para uma conversa e fala o seguinte:

“Se eu continuar desse jeito, vou ser a eterna profecia que não dá certo. A promessa que não vinga nunca. E chegou a hora de mudar essa profecia.

Você investe em mim, apesar de eu ter pisado na bola em algum momento no passado. Eu estou dando minha palavra que vou doar cada gota de suor do meu corpo para fazer isso dar certo.

“Ninguém vai estudar mais do que eu. Não vou vir com desculpa esfarrapada”.

Se for o seu marido ou esposa, imagino que ele não queira fazer parte de um casal sem resultados.

E eu vou ser bem realista com você. Só existem dois cenários possíveis depois que você entrar no PDC:

1- Limpar os sentimentos ruins e negativos, aumenta a sua autoestima, desenvolver em si a habilidade de fé esperança, passa a se sentir confortável e com excelente qualidade de vida, aumenta a motivação e ganhos, melhora a qualidade de sono, aprimora as relações interpessoais e relacionamentos, desenvolve habilidade sensoriais e emocionais que você hoje ainda desconhece! Agora é a hora de lavar a sua alma.

2- Você não faz nada disso. E isso é totalmente possível também. Porque transformar exige tempo, esforço, dedicação. Dá um trabalho do caramba.

Nesse último caso, você aciona a garantia incondicional do PDC. Se nos primeiros 14 dias você não atingir os objetivos esperados, ou se o PDC simplesmente não for o que você esperava, é só mandar um e-mail para a minha equipe que eu te devolvo todo o dinheiro.

Se nos primeiros 14 dias você julgar que o Poder da Consciência não cumpriu suas expectativas, é só me enviar um email nesse período dos 14 dias iniciais que eu devolvo todo o seu dinheiro.

Aí não tem o que esta pessoa que você ama argumentar. Como que a pessoa perde nisso?

Porque você vai devolver cada centavo investido. Entregar na mão todo o dinheiro que ele gastou.

Mas o seu parceiro tem que olhar no seu olho e ver que agora vai dar certo.

Deixa eu te falar agora a coisa mais importante.

Qualquer discussão entre parceiros, não basta estar com todos os argumentos na ponta da língua. Você tem que estar decidido do seu posicionamento.

Eu tenho certeza que você já entrou em uma conversa que a outra pessoa ganhou porque estavam mais confiante.

Entenda o seguinte: em um debate, quem tiver mais confiança, vence.